BUSCA     FAÇA SUA BUSCA
BUSCAR
+    AVANÇADA
3 dicas para investir melhor em imóveis
Potencial de valorização e tipo de imóvel são fatores que influenciam na rentabilidade.

Os imóveis estão entre as alternativas de investimento mais seguras do mercado. Em razão do baixo risco, o setor imobiliário pode ser a escolha ideal tanto para quem está estudando a melhor forma de começar a investir o seu dinheiro quanto àqueles que desejam diversificar sua carteira de aplicações. 

Depois de um período de baixa, devido à crise econômica do país, o segmento dá mostras de que iniciou uma recuperação. Houve um aumento de 15% nos financiamentos para compra e construção de imóveis em 2018, na comparação com o ano anterior, segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). 

A alta indica que o cenário de retomada continuará em 2019. As expectativas são de juros menores, ambiente mais seguro juridicamente e lançamentos de novos produtos. Além disso, algumas vantagens de investir em imóveis nunca são abaladas. Uma delas é a renda passiva, proporcionada pela constante procura por aluguéis. 

É importante atentar a uma série de fatores na hora de optar por essa modalidade de aplicação. Afinal, muitos elementos influenciam a rentabilidade. Confira, a seguir, três dicas de como investir melhor em imóveis:

1 – Escolha o tipo certo de imóvel


Na planta, usado ou novo? Essa pergunta não tem uma resposta definitiva. Vai depender do perfil do investidor. Imóveis na planta são perfeitos para quem quer alta rentabilidade e não tem urgência – pois a obra pode demorar para ser concluída. 

O capital investido, via de regra, é menor do que o necessário para um imóvel novo. Ainda assim, é importante verificar o histórico da construtora e da incorporadora para ter segurança na hora de escolher o empreendimento.

Já os imóveis usados pedem maior envolvimento do investidor. Mesmo que o aporte inicial seja menor, esse tipo de imóvel geralmente exige reformas. Agregar valor ao bem, aliás, é a melhor opção para conseguir bons retornos no investimento.

Imóveis novos, por sua vez, são a modalidade mais segura. Um empreendimento recém-lançado não corre riscos de atraso, por exemplo, mas requer mais capital do que um imóvel na planta. Pode ser a alternativa mais interessante para quem deseja aumentar a renda com o aluguel.

2 – Fique de olho no potencial de valorização


Existem diversos fatores que podem fazer um imóvel valorizar. Por isso, ter uma percepção aguçada para esses elementos é o grande trunfo de quem costuma obter maior rentabilidade investindo no setor imobiliário.

A localização, obviamente, tem um peso muito grande. Lugares próximos a shoppings, centros comerciais, avenidas importantes ou atrações de grande porte podem valorizar em até 90% o imóvel.

Prefira bairros em ascensão. Localidades emergentes requerem um investimento menor do que regiões nobres consolidadas e têm maior potencial de valorização.

3 – Avalie com cuidado a ideia de construir do zero 


Construir um imóvel do zero é o modo de investir que requer maior envolvimento. Mesmo oferecendo uma rentabilidade alta, essa opção exige expertise na área. É preciso estar atento a diferentes fatores para que o imóvel construído seja realmente atrativo a compradores ou locatários.

Se essa for a opção eleita, não esqueça de colocar na ponta do lápis o dinheiro e o tempo a serem investidos.Também vale reservar uma margem para os imprevistos que podem surgir ao longo das obras.
Rua Voluntários da Pátria, 2822 - 3° Andar
Bairro Floresta Porto Alegre - RS
CEP 90.230-010
Horário de atendimento: das 8h às 17h45.

Dallasanta Empreendimentos Imobiliários
Copyright © 2019
Todos os direitos reservados.


Banco de Dados: Locação On - Venda On